sexta-feira, junho 29, 2007

HIPOCRISIA - Nova Lei do Tabaco

A nova Lei do Tabaco aprovada a 28 de Junho de 2007 é uma hipocrisia, e uma falta de coragem do governo e dos partidos políticos portugueses.
Depois de se ter feito uma proposta de lei que protegia os direitos dos não fumadores em não serem mortos lentamente com o vicio dos outros, agora aprovam uma lei mais permissiva, que vai acabar por não ter o impacto que deveria ter.

Um País que se quer fazer evoluído tem falta de coragem para seguir o exemplo de outros que mostraram grande sucesso na proibição total do fumo em locais públicos fechados.


Segundo a nova lei do tabaco, aprovada ontem no Parlamento, quem fumar em estabelecimentos onde não é permitido arrisca-se a pagar uma multa entre 50 e 750 euros, tendo o valor máximo sido reduzido em 250 euros face à proposta inicial.

Outra das propostas que saíram do Conselho de Ministros, no passado dia 1 de Março, exigindo que os estabelecimentos com menos de 100 metros quadrados fossem livres de fumo, foi alterada, permitindo a nova lei que os proprietários possam optar por ter um espaço para não fumadores, fumadores ou ambos, desde que fique garantida a qualidade do ar aos que não fumam.

Quanto aos estabelecimentos com mais de 100 metros quadrados, mantém-se a obrigação de serem destinados a não fumadores, embora possam ter um espaço para quem não prescinda dos cigarros, desde que não ultrapasse 30 por cento do total do espaço.

As restantes multas mantêm-se como inicialmente previsto. Sendo assim, os proprietários de estabelecimentos que permitam o fumo em locais onde ele é proibido estão sujeitos a coimas que variam entre os 50 e os mil euros.

3 Comments:

At agosto 22, 2007 1:54 da manhã, Anonymous fred said...

que dizer? brilhante mesmo, e logo com um hobbie tao bom como o da fotografia :D (ja agora veja o meu site: http://falves4.photosite.com)
é mesmo exelente, tenho 16 anos descobri o blog por acaso e acabei de o ler agora, acho genial a rapidez com que se sente os bons efeitos do deixar o vicio. mas o que eu tenho mesmo pena é da juventude actual, sao/somos tantos a fumar pra cima de nos/uns dos outros...ate agora estive numa escola privada em que do lado de dentro nao havia tabaco, agora vou pra uma escola oficial, quero ver como vai ser. se ate agora so via os meus amigos fumarem um bocadinho afastados da escola, onde tambem eu cedi a dar uma passinha mas em privado:|, quero ver como vai ser agora...
omg... obrigado pelo blog e parabens, esta muito bom :)

 
At janeiro 05, 2008 1:54 da tarde, Blogger viciado said...

Eu penso da seguinte maneira, se há que respeitar liberdades, sejam os prpriatarios a tomar a decisão se se fuma ali ou não, pondo um aviso só pra estes ou só para os outros.
Se por um lado os radicalistas anti tabaco pagam x de impostos pensem quanto iriam pagar se ninguem mas ninguem fosse consumidor de tabaco.
Quanto às medidas do Estado, bem essas são surriais, se por um lado nós(fumadores) contribuimos largamente em impostos, a lei cria uma segunda fonte, aproveitando-se do lado mais negro do português(a xibaria), as multas, pois é, o Estado vai gozando com isto, se o Estado fosse a tal pessoa de bem, e tal como diz esta coisa do tabaco é uma questão de saude nacional, pois então e contra mim que gosto de fumar falo, proibam a comercialização na integra de produtos tabagicos em território nacional, isto sim era ser uma pessoa de bem realmente preocupada com questões de saude nacional, tudo o resto é palhaçada e oportunismo.

 
At janeiro 07, 2008 12:15 da manhã, Blogger yekini said...

viciado, desde já o meu obrigado pelo teu espirito de sacrificio, e por fumares para bem da naçao contribuindo com uma fonte de receita para o estado e para todos nós :P

Agora a sério, proibir o comercio nao seria acho eu grande soluçao, so faria com que aparecesse um novo tráfico o do tabaco, ok nao digam que entao leberalize-se tudo o resto para acabar com o tráfico :)

Quanto á questão das "xibarias" das escolhas, dos que querem escolher ser para fumadores, mas nao teem dinheiro para colocar essas condições, para nao haver concorrencia entre lugares para fumadores e nao fumadores, é que penso que deveria ser como em Italia, proibido em todo o lado e já ninguem se quixa, e também sao latinos como nós.

 

Enviar um comentário

<< Home